janelas

e há poetas que são artistas


e artistas que são poetas, de palavras, de voz e de corpo, e dos quais, afinal, todos gostamos.
Ah, e quem não veio...
AZAR, temos pena,
não sabe o que perdeu!

Sem comentários: