janelas

Nós


Duro



(…)
Pára, meu coração!
Não penses! Deixa o pensar na cabeça!
Ó meu Deus, meu Deus, meu Deus!
Hoje já não faço anos.
Duro.
Somam-se-me dias. Serei velho quando o for.
Mais nada. Raiva de não ter trazido o passado na algibeira!...

O tempo em que festejavam o dia dos meus anos! ...


Aniversário
Álvaro de Campos

02h:46m Amanhã vou ter um dia de cão

Por causa disto

where are you?



Já havia luz.
Já havia luz, lá fora,
quando saí da cama.
Ao abrir os olhos percebi,
claramente, que já havia luz.
Lá fora!
Abri a janela...Luz.

Seis horas,
só dormi seis horas.

Lá me levantei...chinelos nos pés,
os lençóis a mexer.

Ele, no quente, no quentinho!

Depois,
meia hora para tudo:
duche, corpo, roupa, cabelo,leite,
chave na mão, beijo.
Até logo!

Lisboa, um bilhete para Lisboa, por favor.
Lugar número sete.
Não gosto disto. Hoje.
Cheira mal o autocarro. Repleto.

Há trânsito. Muito.
Leio!
Chego.

Uns passos, o Metro;
mais passos, café!
Jornal.
A aula.

Recomeça a viagem; da Memória.

HOJE, FOI UM DIA GLORIOSO.